Potiguar é destaque em Fórum da ONU em Nova Iorque

por Joyce Moura

O mossoroense Saulo Spinelly, presidente do Conselho Municipal de Assistência Social de Natal, participará, dos dias 25 a 27 de abril do Fórum do Conselho Econômico e Social da ONU (ECOSOC), realizado anualmente em Nova Iorque.

Saulo Spinelly, que fará parte da delegação do Observatório Internacional de Juventude representando jovens líderes e defenderá seu projeto sobre “Política pública, juventude e sustentabilidade no contexto social globalizado”, abordando a qualificação profissional de jovens periféricos com um viés sustentável e respeitando os objetivos de desenvolvimento sustentável e eixos do estatuto da juventude. Para a defesa do projeto, Saulo leva os resultados positivos na Comissão Especial de Planejamento e Execução Municipal de Políticas Públicas para a Juventude de Natal.

É a primeira vez que Saulo será palestrante em um evento tão importante e levando um trabalho que é modelo. “Poder levar o exemplo positivo que vem sendo realizado na Prefeitura de Natal para jovens líderes em 148 países do mundo, além de uma alegria imensa, também é uma responsabilidade imensa. Não sou só eu, é um modelo de gestão que estará sendo modelo”, diz.

Na oportunidade, os jovens poderão levar contribuições nas discussões políticas da ONU através de recomendações e debates que serão incorporadas nos documentos das próximas reuniões importantes das Nações Unidas, incluindo o Conselho Econômico e Social, o Fórum Político de Alto Nível sobre Desenvolvimento Sustentável (HLPF) e o SDG Summit. Além disso, as ideias desses jovens poderão ser implementadas para a Agenda 2030 em níveis nacional, regional e global.

O evento apresentará painéis que terão como foco os 17 objetivos de desenvolvimento sustentável (ODSs) globais que a ONU propôs aos países para a implementação em suas nações até 2030. Sobre isso, o palestrante destaca que esses objetivos apelam para o fim da pobreza, a proteção do meio ambiente e o clima, garantindo a paz e a prosperidade para pessoas de todos os lugares.

O resultado dos debates será um documento com recomendações para o Fórum Político de Alto Nível e a Cúpula dos ODS em setembro de 2023.

Mais Posts