Paróquia de Santa Luzia Mossoró completa 179 anos

por assessoria

A Paróquia de Santa Luzia de Mossoró celebra nesta quarta-feira, dia 27,
179 anos de muita fé, devoção e evangelização. A primeira atividade para
comemorar está data tão importante será uma “Manhã de Luz” a partir das
5h da manhã no Parque Ecológico Professor Mauricio de Oliveira, mais
conhecido como Parque Municipal, centro da cidade.

Será um momento de oração, espiritualidade e uma oportunidade também
para as equipes que estão nos bastidores da edição 2021 da Festa de Santa
Luzia se confraternizarem, em um café partilhado, e tomarem
conhecimento de alguns detalhes da festa, como a solicitação do esquema
vacinal completo contra Covid-19 para todos os voluntários.
Edição 2021 – O tema a ser refletido durante os treze dias da Festa de Santa
Luzia, de 3 a 13, já foi lançado: “Igreja, Comunidade Casa da Palavra e da
Missão”, tendo a palavra de Deus como centro. Para isso, a Paróquia
firmou uma parceria com a editora Paulus e foi produzida uma edição
especial da Bíblia Sagrada com fotos de Santa Luzia na capa, a história da
Paróquia e vários momentos da festa num encarte interno da edição, que
pode ser adquirida na secretaria da Catedral.

Com o avanço da vacinação contra a Covid e o consequente arrefecimento
da pandemia, algumas atividades importantes da festa foram retomadas,
como a peregrinação da imagem de Santa Luzia e relíquia pela cidade
durante a semana e no final de semana pelo interior do estado. Esse ano,
pela primeira vez, Santa Luzia irá visitar Caicó, região do Seridó, que tem
uma devoção muito grande a Sant’Ana. Será um momento marcante devido
à devoção a essas duas santas: Luzia e Sant’Ana. Isso acontecerá no dia 13
de novembro e de lá a imagem ainda visitará os municípios de Acari,
Jucurutu e Florânia, com Pe Gleiber Dantas, o “padre da rede”, que este
ano estará mais uma vez à frente do Leilão de Santa Luzia.

Dentro das atividades da festa, continuam abertas as inscrições para
Corrida de Santa Luzia 2021, que esse ano tem como novidade a Corrida
Kids, com crianças de 5 a 13 anos podendo participar, sendo que as
inscrições se encerram no dia 5 de novembro pelo site www.tesportes.com.br

A parte esportiva deste ano, que acontecerá de 5 de
novembro a 5 de dezembro, está bem movimentada com várias
modalidades, inclusive novas, como natação, handebol, basquete, futvôlei
de areia, entre outras, para que os fiéis possam participar de alguma forma
da festa.

A programação da festa também contempla a tradicional Lojinha de Santa
Luzia, que será aberta no dia 7 de novembro, ao lado da Catedral. Este ano,
a lojinha traz novidades, com uma edição especial de peças produzidas pelo
ateliê mossoroense “Divina Criação”. Outra novidade será uma corrente
com um pingente da nossa Santa Luzia. Segundo o pároco da Catedral, Pe
Flávio Augusto Forte Melo, toda a programação foi pensada nos mínimos
detalhes, inclusive, percurso da cavalgada, caminhoneiros da luz,
pedalada, motorromaria, revoada da luz e a própria procissão de Santa
Luzia.

“Juntamente com a comissão da festa pensamos em tudo com os seus
devidos percursos. A Festa está linda e pronta para que todos possam
vivenciar e celebrar o amor a Deus. Agora, claro, para que toda a
programação aconteça precisamos estar em sintonia com as autoridades
sanitárias, mas antecipo que tudo foi pensado e o momento é de deixar
organizado e com muita fé em Deus que possam se realizar nos treze dias
de festa”, adiantou Pe Flávio Augusto, que é coordenador da festa e
aproveita para pedir que todos possam rezar para que a festa aconteça da
melhor maneira possível e se cuidar, tomando todas as doses da vacina
contra a Covid.

História – A Catedral de Santa Luzia foi construída em 1772 pelo
Sargento-Mor Antônio de Souza Machado e sua esposa, dona Rosa
Fernandes, na Fazenda Santa Luzia. Em 27 de outubro de 1842, com a
instalação da Paróquia de Santa Luzia, a capela foi elevada à categoria de
igreja-matriz e, em 1934, passou a ser a Catedral Diocesana com a criação
da Diocese de Mossoró.

A Paróquia de Santa Luzia possui sete templos de visitação pública:
Catedral Diocesana, Santuário do Sagrado Coração de Jesus, Capela São
Vicente, Capela de Santa Teresinha, Capela da Ilha de Santa Luzia e Capela de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro.

Mais Posts