Pais comemoram chegada da vacina pediátrica em Mossoró

por Portal do RN

O início da vacinação pediátrica em Mossoró destinada a imunização das crianças de 5 a 11 anos de idade vem sendo comemorada pelos pais, em particular pelos que tem crianças com comorbidades ou deficiências. Mossoró foi a primeira cidade do Rio Grande do Norte a iniciar a imunização do público infantil começando pelo grupo com comorbidades ou com deficiências.

Na manhã do dia 15 deste mês, exatamente no sábado anterior, às 8h as equipes de saúde da Secretaria Municipal de Saúde de Mossoró iniciavam os procedimentos para começar a vacinar as crianças. Duas Unidades Básicas de Saúde (UBSs), a Chico Costa no bairro Santo Antônio e a Maria Soares no Alto de São Manoel foram as escolhidas para iniciar a vacinação no município.

Para as mães, pais e responsáveis legais das crianças a chegada da vacina pediátrica contra a Covid-19 em Mossoró era aguardada com muita ansiedade. “Eu já vinha acompanhando as notícias e quando soube que as vacinas seriam enviadas aqui para Mossoró já realizei o cadastro de Gabriel no RN Mais Vacina e fiquei na expectativa. Quando anunciou o início aqui em Mossoró fui logo no primeiro dia”. A declaração é da educadora Rafaela Gurgel Mendes, mãe de Gabriel Gurgel Mendes de Oliveira, 7 anos, que tem autismo e recebeu a vacina ainda no sábado (15) no primeiro dia de vacinação.

Rafaela conta que a vacinação foi tranquila e que apesar de Gabriel ter ficado um pouco assustado ao chegar na sala de vacinação, ele contou com um apoio muito especial, da irmã Marina Gurgel Mendes de Oliveira, de 4 anos. “Eu confesso que me emocionei, primeiro porque Gabriel estava tendo a oportunidade de ser imunizado e segundo com a atitude da imã que segurou na mão dele o tempo todo e dizia para ele não ter medo porque ela estava ali com ele. Eu só tenho gratidão pelo compromisso da prefeitura com a saúde da população”, destacou Rafaela.

A educadora acrescentou ainda que ficou monitorando o filho o tempo todo para verificar se ele teria alguma reação a vacina, mas afirma que não percebeu qualquer alteração. “Ele reagiu normalmente e não teve nenhuma reação a vacina. Agiara vamos aguardar para ele tomar a segunda dose”, completou.

A secretária de Saúde Morgana Dantas destacou também o relato feito pelo pai de uma criança com diabetes que também foi vacinada na manhã de sábado (15). “O que nos gratifica e dá forças para continuar trabalhando para garantir saúde de qualidade para Mossoró é o reconhecimento da população. Quando um pai chega e diz: ‘Vocês não decepcionaram, eu estava ansioso esperando a chegada dessa vacina para o meu filho diabético’. É esse reconhecimento que nos motiva”, declarou Morgana Dantas.

Mais Posts