Marcha Mundial das Mulheres realiza programação de combate à violência contra a mulher

por Centro Feminista 8 de Março

Dia 25 de novembro é o dia latino-americano e caribenho de não violência contra a mulher. Em Mossoró, a Marcha Mundial das Mulheres, Centro Feminista 8 de Março, Grupo Mulheres em Ação e Rede Xique Xique, com o apoio do Mandato da Deputada Estadual Isolda Dantas, realizam um programação com rodas de conversa, café feminista, oficinas e Marcha da Lanterna Lilás, para debater o enfrentamento à violência sexista.

Na semana que precede o 25, as militantes fazem rodas de conversas nos bairros Nova Vida, Santo Antônio, Centro, Nova Esperança, Terra Prometida, Wilson Rosado, Abolição 2 e Barrocas, bem como em Assentamento do MST e escolas de ensino médio. O objetivo é levantar o debate. Plúvia Oliveira, militante da Marcha e do Mandato da deputada Isolda fala da importância desta ação que percorre a cidade: “Estes momentos de discussão são muito importantes para que a gente reafirme que a violência contra a mulher existe e é fruto de relações desiguais na sociedade. É preciso ouvir e falar sobre a violência contra nós mulheres para que ela não seja algo do âmbito privado, silenciado, mas que seja algo que todas e todos precisamos combater e acabar!”.

No sábado, 23, a partir das 8h, na sede da Fundação Potiguar, onde funciona a rádio 98.7, haverá o Café Feminista para dialogar sobre a luta das mulheres pela América Latina: “Isso tudo que tá acontecendo de retiradas de direitos e ataques à democracia está acontecendo não só no Brasil, mas na América Latina como um todo. E as mulheres resistem aos avanços do conservadorismo e do neoliberalismo sobre suas vidas e na luta por um país melhor para todas as pessoas”, é o que diz Conceição Dantas, da Marcha Mundial das Mulheres. Além do café e da conversa, as mulheres participarão ao vivo do programa Espaço Lilás que vai ao ar todos os sábados a partir das 9h.

Na segunda, 25, o dia Latino-americano e caribenho de não violência contra a mulher, a partir das 16h, na praça do Nova Vida, ocorrerão oficinas de batucada feminista da Marcha Mundial das Mulheres, dreads e tranças, de cartazes em preparação para às 17:30h sair às ruas a Marcha da Lanterna Lilás. Em sua 18ª edição, a Marcha da Lanterna Lilás terá como tema: “Resistimos para viver e Marchamos para Transformar”. Francisca Damasceno, do Grupo Mulheres em Ação, fala da importância da atividade: “Sempre realizamos diversas ações aqui no Nova Vida. A feira junto com a Rede Xique Xique é um bom exemplo. A Marcha da Lanterna Lilás é algo que faz um alerta muito grande na comunidade. Não vamos nos calar até a violência acabar!” e convida: “Vamos todas participar!”.

Mais Posts