Desabafo do médico pediatra Dix-sept Rosado Sobrinho

Tanta novidade ruim!

Mais uma, atendi por muitos anos na APAE Mossoró como pediatra. Sempre que os pacientes com necessidades especiais precisavam eu lhes fornecia atestado de sua condição. O que lhes garantiam algumas poucas ajudas, como a gratuidade em transporte público, a esmagadoras maioria de famílias necessitadas economicamente. Direito assegurado em lei, aliás.

Qual não foi minha surpresa e revolta quando fui informado por mães dessas crianças necessitadas de que o atestado ou declaração que fazia agora não era aceita. Só se fosse dada por psiquiatra ou neurologista. Como se eu estivesse sendo desonesto ou não tivesse capacidade para reconhecer quadros clínicos que tratei durante tantos anos.

Meu DEUS! Mais uma dificuldade nos caminhos já tão difíceis de famílias com crianças com necessidades ESPECIAIS!

Apelo para as autoridades de minha cidade, ao Conselho Regional de Medicina, ao Sindicato dos Mėdicos. A quem possa corrigir essa desumanidade, dentre tantas outras.
Ou se joguem fora os estamentos legais!

Dix-sept Rosado Sobrinho – médico pediatra

Mais Posts