Browsing Category

Destaque

Mossoró recebeu mais um a vez a equipe do programa Resenhas do RN, exibido todo sábado, às 8h, na Inter TV Costa Branca e Cabugi. A equipe gravou um dos finais de semana do São João e mostrou movimentos de turistas, o espetáculo Chuva de Bala, pontos turísticos, conversou com figuras conhecidas e desconhecidas da cidade e, claro, gravou parte dos shows na Estação das Artes Elizeu Ventania. A edição especial sobre as festas juninas de Mossoró tem data prevista para sábado, dia 29/06.
Devido ao feriado de Corpus Christi, no dia 20 de junho, o Partage Shopping Mossoró terá horário de funcionamento alterado. As lojas e quiosques funcionarão das 14h às 20h, já a praça de alimentação e o boliche operam a partir das 11h. A academia funciona das 8h às 14h e o cinema a partir das 14h. Para esquentar os festejos do feriado prolongado, o shopping terá a continuação da programação junina na véspera, no dia 19 de junho. O show resgata a tradição do forró pé de serra com o Trio Pai D’Égua, a partir das 18h30.
A locutora e mestre de cerimônia, Bárbara Tavares, está na sua segunda gestação, espera por Clara Giovanna que chega ao mundo nesta terça-feira, dia 18. Ela já é mãe de Matheus, 10 anos. Uma nova fase onde ela está muito feliz com a a nova integrante da família formada por ela, Matheus, Valdenice (mãe) e Santiago (o papai da Clarinha). Em recente ensaio, a família era só sorrisos. Fotos: Rosas Fotografia
O Parque da Criança retoma atividades agora sob a direção da empresa Master Produções e Eventos. O espaço foi totalmente repaginado, voltando a ser um ícone da Av. Rio Branco, trazendo uma perspectiva de lazer, com novos brinquedos instalados, tudo isso para que o parque se estabeleça como uma das importantes atrações infantis da região Oeste do Estado. Pensando não somente em receber as crianças, mas toda a família. A parceria público-privada entre a Master e a Prefeitura de Mossoró, possibilita que o espaço tenha um planejamento previsto até o final de 2019, segundo a diretora Liane Dantas, “muito está por vir, será o início de um novo momento”, prevendo ações como colônia de férias, espaço de realidade virtual, novos brinquedos, oficinas e cursos diversos. A entrada do Parque da Criança custa R$ 2 para o público geral, revertido à constante manutenção, segurança e recreadores qualificados no espaço. Semanalmente o parque receberá gratuitamente, através da secretaria de educação, alunos da rede pública para momentos de recreação lúdicos.
O podcast quinzenal da UERN, UERNCAST, lançou nesta semana sua sexta edição, a qual aborda o papel fundamental da Sociologia e da Filosofia no nosso cotidiano. O episódio teve como convidados a professora Lidiane Cunha, do Departamento de Ciências Sociais da UERN, e o professor Marcos Von Zuben, do Departamento de Filosofia. Durante o programa, foi debatida a relevância dessas duas áreas não apenas para o ensino das ciências humanas, mas também para a prática das demais áreas do conhecimento e para as nossas relações sociais. Também foram discutidas as razões para ataques recentes direcionados à Sociologia e à Filosofia e quais as possíveis consequências de um enfraquecimento desses dois campos. O episódio está disponível no portal da UERN e também no Spotify. Para ouvir, basta pesquisar por “” no aplicativo.
O Instituto de Pesos e Medidas do Rio Grande do Norte (Ipem/RN) – Regional Mossoró realizou doação de cerca de 120 kg de produtos para o Lar da Criança Pobre de Mossoró. Entre os produtos doados estão: gesso, cal, rejunte e ração animal. Os itens haviam sido coletados em fiscalização e analisados no Laboratório do Setor de Pré-medidos do órgão e foram entregues pela subcoordenadora operacional do IPEM/RN – Regional Mossoró, Samilla Alves Freitas, que informou que as entidades que desejarem receber doações, devem se inscrever junto ao órgão. Para se inscrever os representantes legais das entidades devem comparecer a regional Mossoró do instituto para realizar o cadastro, localizada na Rua Deuzanira Deuza de Lima, 25 - Alto de São Manoel. No caso de entidades de assistência social é necessário: ofício ao dirigente do órgão solicitando o cadastro, cópia do CNPJ, registro no Conselho de Assistência Social (municipal, estadual ou federal), declaração de que a entidade apresenta-se em dia com a entrega do relatório de atividades, comprovante de endereço, relatório de visita à entidade de assistência social recomendando o cadastro, cópia do estatuto da entidade, cópia de publicação da lei que reconheça a entidade como instituição pública, ata de eleição da última diretoria, as três últimas autenticadas. Para entidades governamentais: ofício ao dirigente do órgão solicitando o cadastro e cópia do CNPJ.
O jornalista Maricélio Almeida assume um novo desafio profissional: a apresentação e reportagem do Grande Jornal, um dos mais tradicionais programas jornalísticos da radiofonia mossoroense, há décadas no ar pela Rádio Rural. Em sua página no Facebook, Maricélio agradeceu a oportunidade: "Agradeço à direção da emissora, em nome do Padre Ricardo Rubens, pelo convite e confiança, e ao meu amigo Saulo Vale pelo apoio de sempre. De minha parte, vocês podem esperar o melhor que eu posso oferecer. Conto com a audiência de todos vocês, de segunda a sábado, às 6h15". A emissora de rádio amplia sua cobertura jornalística e O Grande Jornal começa agora mais cedo, a partir das 6h15 da manhã, com mais notícias, informações, participações e entrevistas. Você ouve pela sintonia 990 kHz /AM ou pelo  Site - www.ruraldemossoro.com.br
O Pingo da Mei'Dia já é uma das festas mais animadas do período junino e, desde o ano passado, ficou ainda mais fervido com o Pingo Weekend! Com o desejo de esticar mais ainda a folia que é o Pingo, o hotel Villa Oeste  criar uma série de festas para animar os turistas e mossoroenses. E a resposta do público não poderia ter sido melhor! Fotos: cedidas
Superando as limitações, preconceitos e tantas outras dificuldades de se fazer arte no Brasil, o cinema nordestino vem mostrando o seu valor e conquistando o mundo com a qualidade de suas produções. Prova disso é o filme Pacarrete, que fará sua estreia internacional no “Shanghai International Film Festival” (SIFF), um dos maiores festivais de cinema do mundo. Em sua 30ª edição, o festival asiático recebeu 3.964 filmes inscritos, de 112 países. “Pacarrete” compõe a mostra competitiva oficial que conta com 15 longas de ficção de todo o mundo e concorrem ao grande prêmio do festival, o Golden Goblet Awards. O evento será realizado entre os dias 15 e 24 de junho. O filme é composto por profissionais nordestinos, entre eles o egresso do curso de Comunicação Social – habilitação Rádio e TV, da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN), André Araújo. O jovem cearense assina o roteiro do longa-metragem, que conta a história de Maria Araújo Lima, uma icônica moradora de Russas (CE), que gostava de ser chamada de Pacarrete. “Ela é minha tia-avó. Assim como Pacarrete, eu também sou cearense de Russas. Cresci ouvindo histórias sobre ela, sobre o seu jeito afetado e afrontoso, muitas vezes incompreendido”, relata Araújo. “Pacarrete” é uma jornada pela mente de sua protagonista e “estabelece um diálogo entre o presente e o passado, a realidade e a utopia. O tom biográfico é atravessado pelo universo fantasioso da personagem que mescla instantes de lucidez e loucura”, conta. A premiada atriz paraibana Marcélia Cartaxo dá vida a Pacarrete. O elenco principal conta com as atrizes paraibanas Zezita Matos (“Onde Nascem os Fortes”) e Soia Lira (“Tatuagem”), o ator baiano João Miguel (“3%”), os cearenses Débora Ingrid (“A História da Eternidade”), Samya de Lavor (“O último Trago”), Edneia Tutti e Rodger Rogério (Bacurau), além da participação de atores e atrizes da própria cidade. O filme é dirigido por Allan Deberton. Também fazem parte da equipe de roteiro Samuel Brasileiro, Natalia Maia e o próprio diretor do longa-metragem. André Araújo lembra que sua história com o audiovisual teve início na faculdade. “Eu entrei na UERN em 2012, foi quando passei a me interessar pelo audiovisual e comecei a produzir de forma amadora pequenos vídeos”, relata. Desde então, o jovem assina importantes produções. “Fizemos em 2017 a adaptação para o teatro ‘A hora da estrela’, de Clarice Lispector. Ano passado, dividimos a direção do especial de natal para a TV Globo “Baião de Dois”, que o roteiro também é meu”, diz. O convite para André Araújo trabalhar no projeto surgiu ano passado quando Allan Deberton ganhou o edital Longa BO Ficção e ainda estava em fase de desenvolvimento do roteiro. Para ele, ver o filme Pacarrete estrear internacionalmente é motivo de grande orgulho. “Ver nosso filme em Xangai, em um grande festival, é mais do que uma realização pessoal ou profissional, é uma resposta a ofensiva que estamos vivendo, com cortes na educação, com a extinção do Ministério da Cultura, suspensão de editais público de fomento ao audiovisual. E isso nos inspira a continuar produzindo e a contar histórias, como a de Pacarrete, uma mulher que teve a ambição de viver da sua arte até os últimos dias de sua vida”, declara. Pacarrete é um longa-metragem de ficção, inspirado na história de vida da bailarina Pacarrete. O filme foi gravado na cidade de Russas-CE e aborda questões como a loucura, a permanência do sonho e o drama da velhice de uma bailarina clássica, registrada como Maria Araújo Lima – mas autobatizada como Pacarrete, margarida em francês, como gostava de ser chamada e até hoje é lembrada por todos na cidade. Nascida e criada em Russas, alimentou desde criança o sonho de ser artista e viver a vida na ponta da sapatilha, mesmo sendo de uma cidade conservadora onde mulher nasceu para casar e ter filhos. Mas é em Fortaleza que ela consegue estar no centro dos palcos como bailarina clássica e se tornar professora de ballet. Com a aposentadoria, a russana retorna a sua cidade natal, onde pretende dar continuidade ao seu trabalho artístico, mas só se depara com desrespeito à sua arte. Pacarrete continua respirando ballet e traduzindo sua vida em sequências de pliés e demi-pliés, à guisa de ribalta, nas calçadas e praças da cidadezinha. Em vez de plateias de admiradores e aplausos, ela se defronta com a troça e o despeito daqueles que cruzam seu caminho. A bailarina de outrora, que acredita ainda ser, transformou-se, no imaginário popular, na “Louca da cidade”.