Browsing Category

Blogada

O XIII Festival de Teatro da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (FESTUERN) publica edital da seleção de escolas. As inscrições para a seleção dos grupos de teatro escolar serão realizadas através do preenchimento do formulário de inscrição on-line disponível em https://festuern.wixsite.com/festuern. As inscrições ocorrerão entre os dias 27 de março a 27 de abril de 2018. Serão selecionadas até 30 (trinta) peças teatrais. Cada grupo participante deverá ser composto por, no máximo, 20 pessoas, incluindo diretores artísticos, atores, técnicos, entre outros. O grupo poderá ter na sua composição, no máximo de 02 (dois) participantes não pertencentes à escola. O resultado parcial da seleção será divulgado no dia 15 de maio de 2018 no site do XIII FESTUERN. Veja: EDITAL SELEÇÃO DE ESCOLAS
A PROVIDES - Soluções Empresariais - uma empresa voltada para a promoção de eventos corporativos realiza em Mossoró o I Seminário objetivo sobre a Reforma Trabalhista x Lei da terceirização, voltada para empresários e profissionais ligados ao Departamento Pessoal/Recursos Humanos, que necessitem atualizar-se em relação as principais mudanças determinadas pela Lei 13.467/2017. O evento abordará questões como: - Negociação Coletiva - Liberdade contratual - Intervalo Intrajornada - Férias - Horas extras - Trabalho intermitente - Prorrogação e compensação de jornada - Extinção do contrato de trabalho - Remuneração - Alteração contratual - Trabalho em tempo parcial - Rescisão contratual E ainda muitas outras mudanças provenientes da reforma e que são de suma importância para as empresas. Data: 14/04/2017 Local: Hotel Thermas e Resort Investimento: 100,00 (Material incluso e coffe break) Link de inscrição: https://pag.ae/bfwbCb6 As inscrições também podem ser realizadas através de visita comercial no estabelecimento do cliente, afim de esclarecer questionamentos ou dúvidas relacionadas ao evento.
A época mais doce do ano está chegando, e para quem acha que chocolate só traz celulites e gorduras extras, a notícia boa é: você está enganado! O chocolate é ótimo para melhorar o humor, combate a depressão, a ansiedade e ainda é altamente energético. Mas lembre-se, como tudo na vida, o consumo requer moderação. É preciso ficar atento a quantidade consumida e ao tipo de chocolate. Mas você sabe a diferença entre os chocolates oferecidos pelo mercado? Não? Vamos descobrir: Chocolate ao leite: É mais calórico que o amargo e o meio amargo. Composto por pasta de cacau, açúcar, leite, leite em pó ou leite condensado. Chocolate branco: É o mais calórico entre todos os tipos de chocolate. Produzido a partir da manteiga do cacau, açúcar e gordura. Chocolate amargo: É o que contém a maior quantidade de cacau (de 60 a 85%), tem menos açúcar e gorduras. Atua como antioxidantes e auxilia no sistema nervoso central e nos músculos cardíacos. Chocolate meio amargo: Possui de 40 a 55% de cacau e pouca quantidade de manteiga de cacau e açúcar. Chocolate sem açúcar/diet ou light: Contém massa e manteiga de cacau, leite em pó e soro do leite. Não contém açúcar, mas isso não significa que seja mais saudável, pois contém acréscimo de gordura, e pode ser até mais calórico do que o ao leite. Deve ser consumido apenas por diabéticos. Agora que você já sabe a diferença entre eles, que tal algumas dicas para não enfiar o CORPO TODO na jaca nesse feriado? 1 – Prefira qualidade a quantidade. Um único bombom "BOM", é melhor que uma caixa de bombons comuns. 2 – Coma apenas no feriado! É muito difícil dividir chocolate, mas aproveite que o momento também é de partilha e divida com um amigo ou com seu amor, assim, não sobra para comer depois. 3 – Coma como sobremesa. Após ter se alimentado, você estará saciado e comerá menos. Além disso, comer chocolate com o estômago vazio pode aumentar os níveis de açúcar no sangue e, quando essas taxas caem, a fome vem ainda maior. 4 – Prefira o amargo ou meio amargo. Chocolate de verdade, né? 5 – Aproveite sem neura!! Enquanto estiver deliciando seu chocolate curta o momento e seja bem feliz. Não precisa sentir culpa, depois é outro dia e tudo recomeça. Bom feriado e uma ótima páscoa, meus queridos!! Lembrem-se do que realmente importa, páscoa é renascimento. Renasça em atitudes e gestos. Celebre o amor e a família. Grande beijo da nutri! Marina Castro – Nutricionista – CRN 21432/P
A Criativa Interiores é parceira da Criare Mossoró na campanha de aniversário de 10 anos empresa. Ao longo da promoção, os clientes Criare serão contemplados com itens da nossa loja. São peças de marcas como Herval, Abraccio, Sier, Sierra, Alves Pereira, entre outras. Essa parceria já é sucesso! Sua sala, do seu jeito! Visite nossa loja, na Avenida Rio Branco, nº 1952, Centro, e encanta-se com tudo que temos a sua disposição!
Entre 23 e 29 de março, Juliana Garcia, consultora da União Europeia, visita o Centro Feminista 8 de Março com o objetivo de monitorar e avaliar o andamento do projeto “Redesenhando a vida, transformando o semiárido” que é co-financiado pela agência europeia. O projeto redesenhando, aprovado em 2016, é o segundo projeto co-financiado pela União Europeia que o Centro Feminista executa e conta com a parceria da Rede de comercialização solidária Xique Xique, Grupo Mulheres em Ação e Organização Feminista Bandeira Lilás. O objetivo do projeto é a promoção da integração social e econômica das mulheres e potencialização das capacidades das organizações da sociedade civil para o desenvolvimento para igualdade de gênero. Dentro da programação de monitoramento, estão previstas reuniões com a equipe do CF8 e as instituições parceiras, com professores universitários, representantes do poder público e visitas às beneficiárias diretas do projeto. A consultora espanhola explica a importância da monitoria promove a transparência ao comprovar em que está sendo empregada a verba da união europeia destinada à instituição. Já Conceição Dantas, do Centro Feminista, coordenadora do projeto Redesenhando, afirma que: “para nós, do Centro, é importante termos esse diálogo com a monitoria para levar à Europa, à União Europeia, os resultados do nosso trabalho na vida das mulheres e, ao mesmo tempo, receber orientações de como aprimorar o desenvolvimento do projeto”. 
O jovem escritor Ydglan Rafael esteve no programa Tudo em Dia para nos contar sobre o sonho dele que é de lançar o primeiro livro, um romance. Com o título Posso te Beijar? Ydglan quer entrar no mundo das letras oficialmente como escritor. E a gente pode contribuir na vaquinha on line que ele está fazendo. A contribuição está no link abaixo. ⇓ www.vakinha.com.br/vaquinha/lancar-um-livro-ydglan-raphael-pereira-de-sousa Veja a participação de Ydglan no programa Tudo em Dia. https://youtu.be/A6ZpQ5ge4sY
Em tempos onde a obesidade se tornou um problema de saúde pública mundial, a insatisfação com o corpo não ficou apenas para quem tem alguns quilinhos a mais. Embora por muitas vezes sejam chamados de "sortudos", quem tem menos, também se incomoda e não se sentem tão felizes assim. É preciso saber diferenciar a magreza constitucional, onde o organismo consome praticamente toda a energia que é ingerida e acumula muito pouco na forma de gordura, da magreza patológica, que é a perca de peso sem motivo aparente e sem mudanças radicais nos hábitos alimentares, nesse caso, não é normal perder 5 kg em dois meses ou 3 kg em duas semanas. Por trás desse emagrecimento, pode estar um distúrbio hormonal, por exemplo, o hipertireoidismo, uma vez que o funcionamento excessivo da glândula tireoide faz a pessoa perder peso, mesmo que esteja comendo mais do que habitualmente. Não sentir fome por longos períodos também é sinal de alerta! É considerado magro, o indivíduo que possui o Índice de Massa Corporal (IMC) a baixo de 19 kg/m², mas a magreza começa a causar preocupação quando o IMC é menor que 17 kg/m². Magreza excessiva é preocupante pois significa que vários nutrientes importantes como vitaminas e proteínas, estão em déficit no organismo. Mas e aí, nutri, o que causa essa dificuldade em ganhar peso? Da mesma forma que a obesidade é uma doença multifatorial, essa dificuldade também pode estar relacionada a vários fatores determinantes: · Metabolismo: Algumas pessoas gastam mais calorias para manter o corpo funcionando, ou seja, para respirar, no funcionamento dos órgãos e para pensar. · Genética: Pesquisas apontam que fatores genéticos são responsáveis por 40% a 70% da definição do gasto calórico. Nesse caso, o corpo nasce programado para gastar mais energia ao realizar atividades. · Composição corporal: O percentual de massa muscular também influencia, quanto mais músculos, maior o gasto energético. · Enzimas: Em estudos feitos com camundongos, foi observado que os ratos que não possuíam a enzima MGAT2 eram capazes de consumir mais calorias do que os demais, sem engordar. E isso aconteceria devido a gordura consumida ser queimada ao invés de ser armazenada. Essa enzima também é encontrada em humanos. · Proteínas Desaclopadoras (UCPs): Naturalmente, os alimentos que consumimos podem ser armazenados sob a forma de gordura e músculo ou absorvidos sob a forma de energia. Estudos mostram que a quantidade de UCPs que absorvem em forma de energia e não deixam o alimento ser armazenado é maior nos magros do que nos obesos. · Alimentação: Por mais que alguns jurem de pé junto que não conseguem engordar, a causa muitas vezes é simplesmente o fato de não saber comer. Essas são só algumas das possíveis causas, a solução não é mágica, e não vai simplesmente cair no seu colo. Se você realmente tem dificuldade para ganhar peso, não saia simplesmente comendo tudo que é besteira em busca desse objetivo. Procure um profissional, juntos vocês vão descobrir de onde vem essa dificuldade e passar a resolver o problema. Quando o objetivo é esse, o ideal é aumentar o peso muscular, já que músculo pesa mais do que gordura. Mas não saia por aí buscando a perfeição, busque a sua melhor versão! Marina Castro – Nutricionista – CRN 21432/P
A Fundação Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (FUERN), por meio da Pró-Reitoria de Recursos Humanos e Assuntos Estudantis (PRORHAE) lança edital do Processo Seletivo Simplificado para contratação temporária de técnicos especializados e instrutores musicais. As inscrições serão realizadas nos dias 22, 23, 26, 27 e 28 de março de 2018, nos locais e horários definidos no edital. Além da documentação exigida, o(a) candidato(a) deverá efetuar o pagamento de uma taxa de inscrição no valor de R$ 40,00 (quarenta reais) a ser depositada no Banco do Brasil, Agência 4687-6, Conta 7068-8 (depósito Identificado ou transferência bancária). Não será aceito comprovante de depósito não identificado, efetuado em terminal de autoatendimento (caixa eletrônico) através de envelope bancário. Veja o EDITAL publicado nesta quarta-feira, no Diário Oficial do Estado. São disponibilizadas as seguintes vagas:  Tradutor e Intérprete de Libras (1 vaga) – DAIN/Campus Central – Mossoró  Técnico Educacional Especializado Psicopedagogo (1 vaga) – DAIN/Campus de Natal  Técnico Educacional Especializado Ledor (1 vaga) – DAIN/Campus de Natal  Técnico Educacional Especializado Ledor (1 vaga) – DAIN/ Campus de Assu  Técnico Educacional Especializado Transcritor de Braille (1 vaga) – DAIN/Campus Central-Mossoró  Repórter e Editor de Texto Jornalístico em Rádio e TV (1 vaga)- Campus Central / Reitoria/ UERN TV /Mossoró-RN  TNS Especializado (1 vaga) – Campus Central / Departamento de História  Revisor de Texto (1 vaga) – Agência de Comunicação/ Reitoria/ Mossoró  Repórter Fotográfico (1 vaga) – Agência de Comunicação /Reitoria/ Mossoró  TNM Especializado(a) (1 Vaga)/ Instrutor de Dança/Clássica e Contemporânea – Campus Central /PROEX/DECA  Instrutor Musical (1 vaga) – Violino/ Teoria Musical e Percepção/ Prática de Conjunto – Campus Central/Mossoró  Instrutor Musical (1 vaga) – Teclado/ Teoria Musical e Percepção/ Prática de Conjunto – Campus Central/Mossoró  Instrutor Musical (1 vaga) – Violão/ Teoria Musical e Percepção/ Prática de Conjunto – Campus Central/Mossoró
O vídeo digital é o formato de publicidade online que deve crescer mais forte no mundo em 2018. De acordo a pesquisa Magna Advertising Forecasts, do IPG Mediabrands, que traz perspectivas globais sobre o mercado publicitário, as vendas de mídia digital devem aumentar 13% este ano, chegando a US $ 237 bilhões (uma participação de mercado de 44%), quase alcançando as vendas de anúncios offline (US $ 298 bilhões), que devem cair 0,5%. Se olhados os formatos de anúncios online, a alta deve ser puxada pelos vídeo digitais (29%), seguida por social media (26%) e busca (12%). Mas, enquanto sobe a demanda do mercado publicitário por vídeos, a oferta de inventário de qualidade é menos disponível e segura do que se supõe. Um teste realizado por Google, Amobee e Quantcast, que examinou os dados do Ads.txt, detectou um volume gigantesco de inventário falsificado disponível para venda nas DSPs. Foram verificados anúncios de 16 empresas de mídia, incluindo Turner, The New York Times, Business Insider e The Washington Post. O volume de anúncios à venda nas plataformas intermediárias de mídia programática foi comparado com o total realmente em oferta pelos sites originais. Resultado: o volume de inventário em vídeo à venda nas plataformas era 57 vezes maior do que a oferta de fato disponível nos sites legítimos. Já o número de anúncios em display era quatro vezes maior. Ou seja, o risco de desperdiçar investimento em vídeo, comprando espaço fraudulento, é um problema grave. Além disso, as opções de inventário em vídeo seguro para marcas ficam ainda mais restritas se considerarmos que a confiança no YouTube como plataforma foi posta em xeque, com os recentes casos de marcas se vendo associadas a conteúdos impróprios em seus vídeos. Muitas, como sabemos, decidiram boicotar a plataforma. O YouTube representa cerca de 20% do mercado de publicidade em vídeo. Vídeos digitais são um formato importante de conexão entre marcas e público. São atraentes, capazes de emocionar, produzem engajamento e têm aderência, e estão ganhando espaço também num mercado mobile crescente. Mas também exigem um investimento alto tanto em produção de conteúdo como em mídia. Se não se atentarem em aplicar seus investimentos em ambientes seguros, as marcas que aceleram suas estratégias de vídeo digital aumentam exponencialmente o risco de prejuízos. Para se precaver da fraude, marcas precisam buscar ambientes efetivos ​​e seguros para receber seus anúncios. Iniciativas como a ads.txt, do IAB, devem ajudar o mercado a mensurar qual é o seu real tamanho e revelar a real carência por espaços seguros para investimento em mídia (a instituição vai promover uma webinar sobre o assunto). Como ambiente premium, brand safe e maior plataforma de conteúdo da internet brasileira que preza pela transparência, o UOL oferece um inventário de 1 bilhão de vídeo views mensais. Exigir transparência sobre onde são aplicadas as verbas de mídia e sobre a efetividade dos resultados obtidos, como a taxa de visibilidade e o público impactado, é outro caminho essencial para garantir o brand safety. Quanto maior a transparência na compra e no monitoramento de mídia, menor o risco de a marca desperdiçar investimento e de se ver associada a mensagens impróprias e falsas que possam prejudicar sua imagem.
Quase 100 pessoas estiveram reunidas, pela primeira vez, em Mossoró, para discutir a filosofia e o uso de Software Livre. O 1º Encontro Potilivre do Oeste aconteceu nos dias 02 e 03 de março, na Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN) e na Universidade Federal Rural do Semi-Árido (UFERSA), e contou ainda com a colaboração do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia (IFRN) e da Comunidade Potiguar de Software Livre (Potilivre).   Segundo o Prof. Dr. Sebastião Emidio Alves Filho, coordenador do evento pela UERN, o objetivo foi não apenas ministrar um conteúdo técnico para os participantes mas também ajudar a organizar uma comunidade mais ativa de usuários na região. “A formação de grupos de usuários que colaboram entre si em comunidades é essencial para a troca de conhecimentos e experiências. Eventos como esse favorecem o desenvolvimento da área de Tecnologia de informação no nosso estado”.   As palestras e minicursos foram ministrados por membros do grupo Potilivre e por profissionais da região Oeste Potiguar. Foram abordados temas como o sistema operacional GNU/Linux, linguagens de programação, servidores web, sistemas de gerenciamento de conteúdo de páginas web, ferramentas para gerenciamento de projetos, entre outros. José Roberto da Costa Ferreira, um dos coordenadores do grupo Potilivre na cidade de Natal e também organizador do evento, destacou a importância da participação dos palestrantes locais. “Este foi apenas um pontapé inicial. Gostaríamos de criar células do grupo Potilivre em outras cidades para que eventos semelhantes possam ser organizados localmente com a nossa colaboração”, afirma José Roberto. O evento atraiu pessoas de diferentes cidades. Algumas caravanas foram organizadas por instituições de ensino de Apodi, Angicos, Caraúbas e Pau dos Ferros. O prof. Dr. Paulo Henrique Lopes Silva, coordenador do evento pela UFERSA considerou considerou surpreendente a quantidade de participantes. “Foi acima das nossas melhores expectativas. O mais gratificante foi o feedback de todos, enaltecendo a qualidade dos conteúdos e palestrantes do Encontro”, explicou o professor. Sobre Software e o Potilivre Segundo o site do Projeto GNU (www.gnu.org) por “software livre” devemos entender aquele software que respeita a liberdade e senso de comunidade dos usuários. Grosso modo, isso significa que os usuários possuem a liberdade de executar, copiar, distribuir, estudar, mudar e melhorar o software. Assim sendo, “software livre” é uma questão de liberdade, não de preço. O PotiLivre é a Comunidade Potiguar de Software Livre, fundada em 2013. É uma organização independente, composta por voluntários, para o apoio à filosofia e o uso do Software Livre. Sua missão é servir como principal ponto de integração entre as comunidades de Software Livre do Estado do Rio Grande do Norte, oferecendo uma estrutura simples e eficiente para o direcionamento e a organização dos esforços colaborativos.