Está no Diário Oficial do Estado (DOE), que foi ao ar nesta quinta-feira (3). O advogado especialista em previdência pública Nereu Linhares foi nomeado para a presidência do Instituto de Previdenciária dos Servidores do RN (IPERN). A área é uma das mais difíceis do governo. O déficit mensal chega a R$ 120 milhões/mês. Quando integrava a equipe de transição, Nereu afirmou que uma das alternativas para o rombo na previdência seria o aumento da alíquota de 11% para 14%. "Não tem como fugir disso", disse, em entrevista ao programa Enfoque Político (Tv Terra do Sal), do dia 29/11/2018. Nota do site: Nereu Batista Linhares é natural de Santa Cruz, na Paraíba, viveu em Mossoró por mais de 20 anos, é pai de 4 filhos, avô de 4 netas, é assessor jurídico de carreira, lotado no IPERN há mais de 35 anos, um reconhecido defensor da Previdência Social e que tem cumprido um papel de destaque na luta contra a Reforma da Previdência, participando de palestras e atendendo servidores de todas as categorias para esclarecer dúvidas sobre o assunto.
O Rádio Esportivo de Mossoró ganha mais uma equipe para cobertura do Campeonato Estadual 2019. Sob o comando do narrador Jaedson Freitas - 105 FM - e nomes conhecidos do futebol estadual, entrará no campo do seu Rádio a partir da próxima segunda-feira das 11:30 às 12:10 no prefixo que o torcedor mossoroense adora acompanhar as notícias do seu time de coração, a Rádio Rural de Mossoró. O programa terá 40 minutos de duração, pra deixar aquele gostinho de quero mais. A equipe contará ainda com grandes nomes do Rádio local, Gilson Cardoso, Collins Aquino, Elias Jr e os ex-atletas de futebol Agnaldo Fidélis e Isaías Rodrigues que fizeram história no futebol mossoroense. A maior novidade serão nas transmissões dominicais que estarão de volta com o Programa que embalou as tardes de domingo na década de 1990. Collins Aquino 'A Caminho do Futebol', com interação dos torcedores, prêmios e muito mais. 
Esta semana foi bastante especial para um dos pacientes da Liga Mossoroense de Estudos e Combate ao Câncer (LMECC). O jovem Lucas Gabriel, de 14 anos de idade, conseguiu realizar um sonho: viajar de avião. O jovem paciente sempre demonstrou o interesse em “voar”, inclusive por meio dos desenhos que realiza na Sala Hospitalar (local que acolhe as crianças em tratamento no hospital da Liga, em parceria com a Associação de Apoio – AAPCMR). “Lucas sempre falava do seu sonho de voar. Os voluntários dos Anjos da Enfermagem foram em busca de realizar esse sonho e com ajuda de parceiros conseguiram”, explicou Valéria Viana, Assistente Social da AAPCMR, que trabalha na Sala Hospitalar da LMECC. Assim, voluntários do Projeto de Extensão Anjos da Enfermagem (UnP), que atuam na Liga, buscaram o apoio da empresa Azul Linhas aéreas e em parceria com a LMECC, a Associação de Apoio aos Portadores de Câncer de Mossoró e Região (AAPCMR), Universidade Potiguar (UnP), Conselho Regional de Enfermagem (COREN) e o Grupo Amigos do Bem, conseguiram realizar um dos sonhos de Lucas, que é assistido por nossa instituição já faz alguns anos. “Para nós é um motivo de muita alegria. Sempre buscamos ver as crianças mais felizes e tentamos possibilitar a realização de alguns dos desejos delas. Quando soubemos do sonho de Lucas, corremos atrás para tentar realizá-lo. Agradecemos a LMECC, a Associação de apoio e a todos os envolvidos que ajudaram na realização deste importante momento”, destacou Leandro Melo, Sub-coordenador estadual dos Anjos da Enfermagem. O jovem embarcou com destino a Recife-PE às 10h15min. Ao chegar à capital Pernambucana ele será recebido por voluntários dos Anjos da Enfermagem/PE e membros do Coren/PE. A programação irá contar com várias atividades e passeios. O retorno está marcado para amanhã (27), com previsão de chegada para as 14h45min. “Fica a lição para todos nós, de nunca desistir dos nossos sonhos, pois o que pode parecer impossível é sim capaz de ser conquistado”, conclui a Assistente Social.
Costumo receber muitas críticas por ser gorda. Algumas eu recebo de bom grado porque sei que são de pessoas que se preocupam com meu bem estar. Já outras são bem ofensivas. O objetivo é realmente fazer com que eu me sinta mal. Tentam me convencer que sou feia, sem talento, uma péssima companhia, enfim, uma pessoa indesejada. No passado isso já me incomodou bastante, hoje nem tanto ou quase nada. Porque sei que minhas qualidades não podem ser medidas em uma balança e nem precisa vestir 38. Já consigo perceber os motivos de cada um querer me tratar assim. Observei que essas críticas partem muito mais de mulheres. Ai parei para observá-las. Na sua maioria são magras, porém não costumam ser observadas e admiradas pelos homens e nem são boas companhias. São mulheres amargas que de forma equivocada, levaram a vida toda acreditando que um corpo SECO seria o suficiente para atrair a atenção das pessoas. Comecei a observar também outras mulheres gordinhas como eu, seu comportamento e seus relacionamentos. Fiz descobertas surpreendentes. A maioria delas são lindas, simpáticas, divertidas e possui muitas outras qualidades que um bom observador irá perceber de imediato. Por isso eu gostaria de pedir a todos que adoram ter a companhia de uma gordinha e a todas as gordinhas também. Tenham paciência com essas mulheres que vivem escravas da ditadura de uma beleza imposta pela mídia e por uma sociedade preconceituosa. Vamos ser felizes independente do número que vestimos. Por mais respeito e menos preconceito. Solange Santos - Comunicóloga graduada pela Universidade do Estado do Rio Grande do Norte – UERN – Poetisa nas horas da vida 
“Extra! Extra! A precarização das condições de trabalho no jornalismo potiguar”. Esse é o tema da dissertação do mestrando Cláudio Palheta, no Programa de Pós-Graduação em Serviço Social e Direitos Sociais (PPGSSDS), da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN), que será defendida nesta quinta-feira, 29, às 15h, no auditório da Faculdade de Serviço Social. A pesquisa é orientada pela Profª. Dra. Fernanda Queiroz e coorientada pelo professor Ricardo da Silveira. Esta é a primeira defesa de dissertação do Mestrado em Serviço Social advinda de outra área que não é da assistência social. Cláudio Palheta é formado em Jornalismo pela UERN e direcionou seu estudo entre sua área de formação e o serviço social.“A escolha se deu pela afinidade teórica de pesquisa e também pela proximidade das grandes áreas, uma vez que a comunicação está próxima ao serviço social”, explica. O estudo faz um mapeamento das principais expressões da precarização de trabalho no jornalismo. Para a pesquisa, foram analisados três jornais impressos diários de Mossoró e Natal. “Aplicamos questionários, conversamos com jornalistas para saber a rotina de trabalho, como eles se sentem em relação ao jornalismo e o que eles compreendem por precarização”, revela. A proposta é tentar compreender a visão dos jornalistas sobre a precarização. “O jornalismo é uma profissão midiatizada, de destaque. Apresentar-se como jornalista é se colocar como relevância social e muitas vezes isso gera uma glamorização sobre as condições de trabalho, muitas vezes o profissional omite as condições de trabalho em nome de uma glamorização”, revela. A pesquisa parte da premissa de que há essa precarização. “Buscamos entender que precarização é essa e o que o jornalista entende por precarização”, diz. A dissertação abre margem para a discussão sobre o trabalho do jornalista. “Eu e meu orientador entendemos que o estudo tem fundamental importância para compreender sobre o trabalho jornalístico. A pesquisa se apresenta como um documento que traz elementos concretos para que os novos jornalistas consigam entender a realidade da categoria na contemporaneidade”, afirma. O estudo propõe um debate sobre precarização, o debate sobre lutas de classe, sobre toda essa carga teórica do Serviço Social, fazendo uma interface com o jornalismo. “Buscamos entender quem é o personagem que está por trás da notícia”, declara Palheta.
Em todo o Rio Grande do Norte quase 7 mil advogadas e advogados vão às urnas em todo o estado, nesta quarta-feira 28 de novembro, para eleger a diretoria que comandará, pelos próximos três anos, a seção da Ordem dos Advogados no estado. Deste número, na Subseção de Mossoró, serão aproximadamente 1 mil aptos (as) à votação que decidirá os cinco nomes que irão compor a nova diretoria da Ordem, os membros do Conselho Seccional, os representantes do Rio Grande do Norte no Conselho Federal e a diretoria da Caixa de Assistência do Advogado, além dos presidentes e demais diretores das sete Subseções. A votação, que será realizada simultaneamente em todo estado, começa às 9h e segue até às 17h. Para os advogados e advogadas inscritos (as) na Subseção, a votação se dará exclusivamente de forma presencial na sede e mediante apresentação de documentação: documento de identificação da OAB/RN ou Carteira de Identidade, Certificado de Reservista, Carteira de Trabalho, Carteira Nacional de Habilitação (modelo novo) ou Passaporte. De acordo com o Art. 134, do Regulamento Geral da OAB, o voto é obrigatório para todos os advogados inscritos na OAB, sob pena de multa equivalente a 20% do valor da anuidade, salvo ausência justificada por escrito, a ser apreciada pela Diretoria do Conselho Seccional. Só poderão votar os advogados ativos e em dia com a anuidade e que regularizaram sua situação até o dia 26 de outubro deste ano. Chapas no RN A nível estadual, três chapas tiveram suas inscrições homologadas para concorrer à diretoria e ao Conselho Seccional: Atitude OAB, encabeçada por Aldo Medeiros; Avança OAB, que tem como candidato a presidente Paulo Coutinho; e Juntos por uma nova Ordem, encabeçada por Magna Letícia. Em Natal, a votação acontece no estádio Arena das Dunas. No interior do Rio Grande do Norte, a eleição será realizada nas sedes das Subseccionais da OAB. Nas Subseccionais no interior do Estado concorrem as chapas: + Avanço (Assu); o Trabalho Continua (Caicó); OAB Cada vez mais forte (Currais Novos); Mudança Pela Ordem e Todos pela Ordem (Goianinha); OAB mais forte (Macau); OAB Forte e OAB presente, advocacia para frente (Mossoró); OAB forte e atuante (Pau dos Ferros).
O Oratório de Santa Luzia completa 18 anos repleto de novidades nesta edição de 2018. A realização do espetáculo passou a ser de corresponsabilidade da Paróquia de Santa Luzia de Mossoró e do Colégio Diocesano de Santa Luzia. “Já há algum tempo que vinha conversando com padre Charles (Lamartine, diretor da escola) no sentido de unirmos forças e fazermos um trabalho em conjunto”, explica o pároco de Santa Luzia, padre Flávio Augusto Forte Melo. A direção, a cenografia e o figurino do Oratório são assinados por Marcos Leonardo, que tem como assistente de direção e coreografia, Roberta Schumara, reconhecida por seu trabalho à frente do Grupo Diocecena (grupo teatral do Colégio Diocesano que neste ano executou o espetáculo Chuva de Balas no País de Mossoró). A base de artistas do espetáculo é do Grupo Diocecena com o incremento de bailarinos e atores da cidade. Sofia Maria que viveu Maria, mãe de Jesus, no Natalis (do Colégio Diocesano) vai interpretar a personagem principal – Luzia.  Artistas se preparam para o espetáculo As apresentações acontecerão no Adro da Catedral com o ensaio geral aberto ao público em 02 de dezembro (domingo), logo após a missa das 19h, e com apresentações em seqüência de 04 a 12/12, sempre depois da novena da noite. Não haverá espetáculo dia 3 em virtude da solenidade oficial de abertura da festa. O espetáculo deste ano tem ainda a direção de palco e produção de Gilca Leonardo, produção de Emanuel Castro e texto de Erismar Cunha (ficha técnica completa abaixo). Patrocínio da Cosern, do Café Santa Clara, do Governo do Estado do Rio Grande do Norte e da Prefeitura de Mossoró. Ficha Técnica: REALIZAÇÃO E EXECUÇÃO: Paroquia de Santa Luzia e Colégio Diocesano PATROCÍNIO: Cosern, Café Santa Clara, Governo do Estado do Rio Grande do Norte e Prefeitura Municipal de Mossoró DIREÇÃO, CENOGRAFIA E FIGURINO: Marcos Leonardo // ASSISTENTE DE DIREÇÃO E COREOGRAFIA: Roberta Schumara // DIREÇÃO DE PALCO E PRODUÇÃO: Gilca Leonardo // PRODUÇÃO: Emanuel Castro // APOIO: Maxi Rafael, Daiana Tricia, Urbano Junior e Ciro Vinicius // TEXTO: Erismar Cunha // ILUMINADOR: Alex Peteka // SONOPLASTA: Medson Rigne // CONTRARREGRA E APOIO: Sergio Oliveira // COSTUREIRAS: Evilene Almeida, Marlídia Felix // ASSISTENTE DE CENOGRAFIA E FIGURINO: Arilda Filgueira // CAMAREIRA: Arilda Filgueira, Leila Luziane // GRAVAÇÃO, MIXAGEM E MASTERIZAÇÃO: Studio Sonora Pro Music // IDEIA ORIGINAL: Gustado Rosado. ATORES: Sofia Maria – Luzia // Carlos José – Pretendente // Leo Wagner – Pascácio // Gledson Lopes – Caio Aurelio // Joriana Pontes – Eutíquia  // Neuma Almeida – Santa Ágata // Júnior Felix – Bispo // Graziele Gadelha – Luzia (Criança) // Erismar Cunha - Soldado e Povo // Gustavo Senna – Soldado e Povo // Douglas Blade – Soldado e Povo // Mateus Ferreira – Soldado e Povo // Elzimário Macário – Soldado e Povo // Adriano Duarte – Soldado e Povo. APRESENTANDO: Julea Carneiro // Letícia Rosado // Nathália Augusta // Rebecca Freire // Leticia Marques // Thammy Lys // Bell Assunção // Bruna Luana // Júlia Xavier // Ivisson Silva. BAILARINOS: Douglas Rafaell // Iuri Alves // Rayanne Valentin // Alyson Albuquerque // Tâmisa Vieira // Josuel Martins // Marcela Maia //Ana Caroline // Paula Beatriz // Thalisson Marinho // Abraão Morais // Liliane Ferreira // Adriana Castro // Flaviano Félix.  Mais informação: Oratório de Santa Luzia 2019 - 9 9818 0032/ 9 9196 0305 - Maxi
Para continuar assistindo à programação da TV aberta, todas as residências devem estar preparadas para receber o sinal digital até o dia 05 de dezembro Na próxima quarta-feira, 05 de dezembro, o sinal analógico de televisão será desligado em Mossoró. Após essa data, só será possível assistir à programação da TV aberta por meio do sinal digital. Para continuar assistindo aos seus programas favoritos, basta verificar se a sua antena é digital e se o seu televisor precisa, ou não, de um conversor. Instalar os equipamentos é indispensável para vivenciar a experiência com a TV digital. As famílias que ainda não retiraram seu kit gratuito devem realizar o agendamento o quanto antes. Basta ligar para 147 (ligação gratuita) ou acessar www.sejadigital.com.br e escolher o melhor local, data e horário. Além de retirar os equipamentos, é importante realizar a instalação para vivenciar a experiência com a TV digital. Finalizando a instalação do conversor e da antena digital, um número aparecerá na tela das TVs. Com o código em mãos, é possível participar da Instalação Premiada, promoção que está sorteando prêmios de R$2 mil em cartões pré-pagos.
Na noite de sábado, dia 17/11, a cidade de Pau dos Ferros recebeu sede e estúdio da TV Terra do Sal, que estão localizados num amplo espaço no bairro João XXIII. A solenidade marca o início dos trabalhos da TV no município e na região. A Terra do Sal está operando na transmissão aberta através do canal 2, além de estar presente também no canal fechado, podendo ser sintonizada através do canal 173 para quem tem o pacote de internet e TV da Brisanet. O veículo de comunicação chega a cidade princesinha do oeste por meio da visão empreendedora do oftalmologista Vanderlânio Carolino e do seu sócio Jota Ferreira, empreendedores que enxergaram em nossa cidade um franco crescimento e defiram a expansão da programação da emissora. A TV Terra do Sal pode ser captada pelo sistema da empresa Brisanet não só no estado do Rio Grande do Norte, mas também nos estados da Paraíba e Ceará e, em breve, o plano de expansão chegará ao estado de Pernambuco. Atualmente a grade de programação possui os programas Tudo em Dia, Enfoque Político, Fora de Controle, Cheguei Chegando, Geração Saúde, Tamo Junto e Presença. Outros programas, comandados por apresentadores pau-ferrenses, deverão ser incluídos na programação. Em entrevista concedida a Marilene Paiva, editora-chefe da Revista Presença e apresentadora do Programa Presença na TV Terra do Sal, o prefeito parabenizou o avanço da emissora, que irá proporcionar informação e uma programação com qualidade aos telespectadores de Pau dos Ferros e região.
Faltando pouco mais de 15 dias para o desligamento do sinal analógico, a Seja Digital, entidade responsável pelo processo de digitalização do sinal de TV no Brasil, estará de 19 a 24 de novembro, juntamente com um grupo de antenistas profissionais, percorrendo os seguintes bairros de Mossoró: Santa Delmira, Dix-sept Rosado, Quixabeirinha, Aeroporto, Redenção, Nova Mossoró, Rincão e Santa Delmira. A ação, que vai realizar instalações gratuitas de conversores e antenas digitais, será uma oportunidade para aqueles que já possuem os equipamentos, mas ainda não fizeram a instalação. Além disso, a equipe da Seja Digital também irá realizar o agendamento das famílias que têm direito a retirar o kit gratuito e tirar dúvidas da população sobre a mudança do sinal de TV.   O desligamento do sinal analógico de TV em Mossoró acontecerá no dia 05 de dezembro e, após essa data, a programação dos canais abertos de televisão será transmitida apenas pelo sinal digital. Para continuar assistindo aos programas, todas as residências precisam ter uma antena digital e um aparelho de televisão preparado para receber o sinal digital. Mais de 39 mil kits gratuitos, com antena digital e conversor com controle remoto, estão disponíveis para Mossoró. Para saber se têm direito e agendar a retirada dos equipamentos, os moradores da região também podem acessar o site sejadigital.com.br/kit ou ligar gratuitamente para o número 147 com o NIS (Número de Identificação Social) em mãos.   Serviço:   Mutirão de Instalação em Mossoró – 19 a 24 de novembro   Data: 19 de novembro Horário: 9h às 17h Bairro: Santa Delmira   Data: 20 de novembro Horário: 9h às 17h Bairro: Dix-sept Rosado   Data: 21 de novembro Horário: 9h às 17h Bairros: Quixabeirinha e Aeroporto   Data: 22 de novembro Horário: 9h às 17h Bairros: Redenção e Nova Mossoró   Data: 23 de novembro Horário: 9h às 17h Bairro: Rincão   Data: 24 de novembro Horário: 9h às 17h Bairro: Santa Delmira